A Importancia da Literatura

11/09/2017 17:36

 

A IMPORTANCIA DA LITERATURA

 

                   Essa é uma história real, mesmo assim seria importante se fosse surreal.

                   Um funcionário do Tribunal de Contas da União de um país era apaixonado por literatura, lia todo livro que lhe pusessem na mão. Era essa a sua diversão na vida enfadonha de funcionário auditor, onde trabalhava tinha a função de tomar conta dos rendimentos do governo e ver onde havia sonegação.

                   Um dia, quase que por magia, cai em suas mãos os informes de rendimentos do presidente da república. E, depois de examinar, vê que havia incongruências na declaração tanto deste como de seu sucessor, do mesmo partido.

                   Vai para casa e em dúvida sobre o que fazer, pois um deles era muito amado pela população, e o outro havia acabado de se reeleger em uma eleição direta.

                   Com a cabeça em confusão pega um livro, destes de sua coleção, para se distrair. O livro era História sobre o Cerco de Lisboa, de José Saramago, escritor português que ganhara o premio Nobel de Literatura.

                   Ficou feliz com a escolha, passado tanto tempo que havia lido não se lembrava da estória. E, viu que o livro descreve um fato de um revisor que discorda do autor, da história oficial, inclui um não no livro, este é editado, e a confusão está formada.

                   O revisor é um homem comum, como ele, que leva uma vida comum, muito se parecia com o personagem, mas, um dia acreditou ter direito as próprias ideias, ao próprio credo, doa a quem doer.

                   Termina o livro como um homem comum, mas com uma certeza na vida, um dia deu um grito de liberdade, e mostrou a si mesmo que era capaz de ser ele mesmo.

                   Estava decidido, iria fazer o mesmo.

                   Tornou o fato publico, contando a quem de direito.

                   O caso foi parar na mão de juristas que moveram um processo de impedimento da presidente, que teve que abandonar o cargo.

                   Antes disso, o povo em massa foi às ruas, pedindo o afastamento dela, que foi decretado pelo Congresso Nacional e corroborado pelo Supremo Tribunal Federal.

                   O outro é réu de mais de cinco ações penais, sempre com a pecha de ladrão, e os pais e a população esperam pela sua condenação!

                   Ele, em pânico, em virtude de tamanha balbúrdia criada por sua posição, pede licença da repartição e vai curar a sua síndrome de pânico em uma pequena cidade de interior.

                   Há cinco dias ele me escreveu, tem certeza que seu mundo mudou! O emprego continua o mesmo, já a vida, hoje carrega a certeza que é alguém sem se importar com o reconhecimento.

                   Dois dias após, apareceu morto acidentalmente no Lago Paranoá em Brasília.

 

 

 

 

Contato

Escritor Tito Laraya

São Paulo - SP - Brasil

Apoio

Livros do autor

 

png optimizer
 

 

 

 

Clique na imagem abaixo e acesse Gratuitamente matéria exclusiva com o escritor Tito Laraya

 

 

 

 

 

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!